Olá, minha gente! Estava passeando pelos meus blogs queridos escandinavos (que eu amo aquela brancura toda, aquele minimalismo todo deles…) e achei umas dicas bem bacanas para nossa série. Daí, você me pergunta: “Peraí! E na Escandinávia, por acaso, o povo sabe lá o que é pindaíba?”

Bem, pindaíba, eu não sei… Mas, que minimalismo tem tudo a ver com economia, de uma certa forma, isso tem. Quer ver um exemplo? Você acabou de casar. Está ainda pagando a festa. O aluguel do apê subiu que é uma loucura. Móveis? Só uma mesa, algumas parcas cadeiras, um sofá doado pela tia. Tinta na parede, foi branca mesmo, que é mais barata. O que você fala? Que sua decoração é simples? Nãããooo, amiga. Você diz que seu estilo é minimalista e fica tudo certo! Mais chique.

E de quebra, você pode mesmo se inspirar no estilo minimalista da designer de interiores finlandesa Susanna Vento, que parece ter captado o espírito econômico tão necessário aos trópicos e bolado umas idéias bem interessantes pra driblar o orçamento apertado.

Estante feita com escadas e tábuas de madeira. Parece fácil de fazer. Será?

E aqui, uma mini-estante composta de cestos de junco, devidamente amarrados. Ah… tem lá seu senso estético, não?

Agora, vê se minha idéia não cai bem? Dá próxima vez que chamarem a décor da tua casa de pobrinha, você diz que é minimalista. Combinado? ;)

{Via Emmas Design Blog}