Vamos combinar. Papel parede é um negócio caro. Então, como faz pra deixar a decoração com uma carinha descolada, sem precisar estourar o orçamento? Essa aqui é uma idéia. Vi lá no Apartment Therapy. O dono desse simpático apê, resolveu criar seu próprio papel de parede, desenhando molduras de diversos formatos e tamanhos nas paredes do seu home office. E, de quebra, ainda ganhou uma galeria de exposição para suas fotos. Ficou show!

Quem quiser se aventurar no DIY (faça você mesma), só vai precisar de duas coisas: uma caneta preta e disposição. Os desenhos nem precisam ser certinhos… A graça está no desenho livre, mesmo. Repare em outro detalhe: o home office fica em um canto da sala de estar, então o papel de parede desenhado à mão ajuda a delimitar os espaços. Solução esperta!